Bitcoin Reina Enquanto Capitalização de Tokens Retornam para o BTC

0
47

Ao longo dos meses de maio e junho, mesmo durante tendências de baixa no mercado de criptomoedas, os tokens tiveram um desempenho relativamente melhor do que o bitcoin. Até o presente momento, em julho, o bitcoin provou sua dominância através de uma performance estável perante o dólar americano.

Bitcoin é Rei, Por Enquanto

Nos últimos três meses, os tokens tiveram uma base sólida para crescer em volume e preço, principalmente devido a dois fatores principais: o posicionamento da SEC (Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos) perante o ether, atestando que ele não é um título e o movimento imprevisto da Coinbase para listar dois tokens em um futuro próximo.

Como a CryptoRadar informou anteriormente, em 15 de junho, a SEC se posicionou pela primeira vez na história, e afirmou que o BTC e o ETH, a criptomoeda nativa da Ethereum, não são consideradas títulos sob as leis financeiras dos EUA. A SEC enfatizou que as criptomoedas são mantidas por um grupo descentralizado de desenvolvedores e não beneficiam uma única entidade.


Episódio 03 no ar! Acesse a página do nosso podcast, CryptoTalk e ouça!


A aprovação da SEC perante o bitcoin e o ether acabou levando a Coinbase, maior bolsa e corretora de criptomoedas do mundo, a decidir por adicionar tokens diretamente em sua plataforma, apesar dos seus esforços de aquisição da Paradex, corretora descentralizada de criptomoedas, que seria inicialmente integrada à Coinbase Pro com o intuito de contornar todo o processo de se tornar complacente com regulamentos rigorosos dos EUA.

A equipe da Coinbase descartou a incerteza em torno da natureza regulamentar de tokens ERC20, e mudou para a integração Basic Attention Token (BAT), o token usado pelo navegador Brave, e o 0x (ZRX), no qual o protocolo da corretora de criptomoedas Paradex se baseia, cooperando ativamente com a SEC e as autoridades financeiras locais.

Ainda assim, apesar da rápida melhora no aspecto regulatório dos tokens e do mercado de corretoras de criptomoedas, os tokens continuaram a cair em queda livre ao longo de julho, mesmo perante o bitcoin.

A dominância do pai de todas as moedas digitais começou a aumentar, alcançando 40 porcento e, em última análise, se recuperando até 45 porcento, algo que não era visto desde novembro de 2017, quando seu índice de dominância estava em 58,67 porcento.

percentual de dominância do bitcoin
Dominância do Bitcoin frente aos demais tokens. Fonte: www.coinmarketcap.com

Nas últimas 24 horas, os principais ativos digitais e tokens que tiveram bom desempenho frente ao bitcoin e ao dólar americano no início de 2018 caíram, em média, mais de 10%, enquanto o bitcoin manteve seu nível de suporte em 7.400 USD, oscilando em torno de 7.460 USD.

No dia de hoje, 20 de julho, Aelf (ELF), Ontology (ONT), ICON (ICX), 0x (ZRX), Zilliqa (ZIL), e Tron (TRX), que registraram ganhos de 50 a 200 porcento frente ao BTC em abril, cairam de 7 a 12 porcento, com o ICX caindo para 0,0001835 BTC, de seu pico de 0,0009194 BTC em janeiro.

Razão para a Dominância do Bitcoin

Nos mercados de baixa (bear markets), as criptomoedas dominantes tendem a superar os tokens e os pequenos ativos digitais de forma bastante drástica, já que os investidores buscam reservas de valor mais estáveis ​​do que as moedas digitais com menor capitalização de mercado.

Consequentemente, nas últimas 48 horas, enquanto o bitcoin, o ether e o bitcoin cash acumulavam baixas de apenas 1 a 3%, os demais tokens acumulavam baixas entre 7% e 20% frente ao pai de todas as moedas digitais.


Nos siga nas redes sociais! Facebook e Twitter.


Quer ser colaborador da CryptoRadar? Entre em contato conosco.