Startup Lança Plataforma para Investimentos em ICOs

0
23
Startup Lança Plataforma para Investimentos em ICOs

A CoinMirror, uma startup de blockchain sediada em Berlim, lançou ontem, 18 de julho de 2018, a versão beta pública de sua plataforma de investimentos em ICO (oferta inicial de moeda) na mainnet (rede principal) do Ethereum. A plataforma procura fornecer oportunidades para investidores, independente da quantidade de capital disponível.

Em uma conversa com o BitcoinMagazine, Sebastian Hoffman, co-fundador da CoinMirror, disse: “Criamos a CoinMirror com o intuito de democratizar investimentos, através do fornecimento de acesso e educação. Queremos quebrar as barreiras ao investir e devolver o poder para as pessoas. Estamos animados em lançar nossa solução e contribuir para a comunidade descentralizada, e finalmente, ajudar a acelerar a evolução saudável de todo o ecossistema.”

Os ICOs revolucionaram o processo de arrecadação de fundos em todo o mundo, no entanto, também criou uma gama de problemas para o investidor convencional. Desde limites mínimos exigidos para se investir e a falta de uma pesquisa aprofundada (due dilligence) necessária para se tomar decisões sólidas de investimento, a barreira para uma entrada responsável pode ser enorme para aqueles que não possuem uma quantidade considerável de capital ou conhecimento em como investir. O investidor experiente geralmente possui uma grande vantagem no mercado, mas a CoinMirror pode tornar possível para o investidor convencional acompanhar investidores mais experientes.

Desenvolvido no Ethereum, a plataforma da CoinMirror permite seus usuários “espelhar os movimentos de investidores experientes” sem a necessidade de “análise aprofundada ou revisão de códigos.” A plataforma quer que seus usuários identifiquem e copiem os movimentos de investidores em ICOs que possuem um histórico comprovado.

Quer aprender a investir em criptoativos? Leia nosso artigo especial sobre o tema: ‘A Bíblia de Como Investir em Criptomoedas

Assim, quando um Líder de um Sindicato – Particular ou Sindicato Público – investe um certo percentual de seus fundos em uma ICO, os fundos dos usuários que os acompanham serão investidos da mesma maneira. Depois que o usuário espelha o movimento do Líder do Sindicato, a plataforma automatiza o restante.

Sindicatos Públicos são listados publicamente na plataforma para que os usuários possam pesquisar e os apoiar com seus fundos. Sindicatos Privados, por outro lado, não são listados publicamente. Usuários precisam da URL exata para acessar a página do Sindicato na plataforma.

A CoinMirror acredita que sua plataforma trará benefícios mútuos, tanto para investidores de varejo como para Sindicatos. Dan Desa, Chefe de Desenvolvimento de Negócios da CoinMirror, disse que a plataforma oferece a oportunidade de se evitar “procedimentos de análise aprofundada (due dilligence)” para investidores de varejo enquanto fornece acesso a negócios com “limites mínimos de investimento.” Líderes de Sindicatos, por outro lado, serão capazes de “negociar melhores oportunidades” por possuir um agregado maior de capital dos investidores de varejo, construir seus perfis como “financiadores experientes de ICOs” e ganhar um percentual dos “bônus de tokens” realizados além da taxa padrão do Sindicato.

Se tornar um Sindicato na plataforma pode não ser tão fácil quanto parece. A página do FAQ da empresa alega que “qualquer indivíduo ou organização” pode criar um Sindicato Privado, no entanto, Sindicatos Públicos deverão ser submetidos à testes de KYC (know your client) e AML (anti money laundering) antes de serem aprovados manualmente para serem listados na plataforma.

Atualmente, a plataforma ainda não possui alguns recursos essenciais, como por exemplo um sistema de classificação para os perfis dos Sindicatos, que a empresa afirma incluir no futuro. Por enquanto, ela planeja usar as “ações de investimento e retornos devolvidos aos seus usuários” para determinar o destino dos sindicatos em sua plataforma.

A indústria de cripto é enorme e a cada dia novos ICOs estão sendo lançados no mercado – para referência, somente no primeiro semestre de 2018, foram mais de 28 mil ICOs. Para o investidor de varejo, é praticamente impossível acompanhar e analisar todos os projetos para decidir quanto, onde e quando investir. Assim, a plataforma da CoinMirror irá, de fato, ajudar bastante os investidores de varejo em suas tomada de decisões sobre investimentos em ICOs.


Curta a página da CryptoRadar no Facebook.


Já ouviu nosso podcast? Acesse CryptoTalk e fique por dentro.