• Criptoativos

    Altcoins

    Atualização importante é lançada pela Cardano (ADA)


    Por Alexandre Dantas Lage • 21 de março de 2019
    tempo de leitura do artigo: 2 minutos

    A Cardano acaba de implementar a atualização 1.5 em sua mainnet com sucesso e caminha rumo ao novo protocolo de consenso Proof-of-Stake (PoS), que, de acordo com a empresa, será tão seguro quanto o protocolo de consenso Proof-of-Work (PoW), utilizado pelo bitcoin.

    Além disso, a implementação também conta com algumas outras otimizações, principalmente para a carteira de cripto da moeda digital, a Daedelus.

    Através de uma publicação no forum oficial da Cardano na última quarta-feira (20), a empresa anunciou a implementação da versão 1.5 em sua mainnet, que é a última grande atualização da fase Byron do projeto.

    O lançamento da Cardano 1.5 é um marco pois ele é o último grande lançamento da fase de desenvolvimento Byron, em que estamos desde o lançamento da mainnet.

    De acordo com a Cardano, o lançamento da 1.5 é importante pois ela prepara o caminho para a nova fase de desenvolvimento, denominada Shelley.

    Cardano anunciando a atualização 1.5 pelo Twitter

    Rumo à prova de participação (PoS)

    A implementação Cardano 1.5 pavimenta o caminho para a mudança para o novo protocolo de consenso Proof-of-Stake. Atualmente, o projeto utiliza o “Ouroboros Classic”, que, dentre outras deficiências, possui um número limitado de nós.

    Com o lançamento da 1.5, o projeto está migrando para o “Ouroboros BFT (Byzantine Fault Tolerance)”, que será um algoritmo de consenso de transição para sua versão final, o “Ouroboros Genesis”, que será lançado durante a fase Shelley.

    Conforme relatado na publicação, o Ouroboros Genesis estará em paridade com a segurança garantida pelos algoritmos de prova de trabalho. De acordo com a Cardano:

    O Ouroboros Genesis é uma grande atualização para o protocolo que sustenta a Cardano, pois é o primeiro protocolo de prova de participação (PoS) que atende às garantias de segurança dos protocolos de prova de trabalho (PoW), utilizado no bitcoin.

    Apesar de ser, tecnicamente, um hard fork, a atualização para o Ouroboros BFT deverá ocorrer de maneira suave por ser uma atualização planejada do protocolo. Além disso, todas as partes do atual sistema concordaram com a mudança.

    Roadmap para a implementação do algoritmo Ouroboros Genesis
    Roadmap para a implementação do algoritmo Ouroboros Genesis.

    Daedelus será resistente à computação quântica

    Além da implementação do novo algoritmo de consenso, a 1.5 também conta com várias correções e melhoria em performance. A principal beneficiária de muitas dessas melhorias é a carteira principal da Cardano, a Daedelus.

    Algumas de suas novas funcionalidades são:

    • Não operar quando houver pouco espaço em disco e alertar o usuário;
    • Tela para visualização da consolidação de blocos;
    • Notificação para registros de conclusão de download.

    A lista completa de novas funcionalidades e correções pode ser visualizada na página de notas de lançamento do projeto.

    Além disso, a Cardano planeja lançar funcionalidades extremamente importantes durante a fase de desenvolvimento Shelley. Então, no futuro, dentre outras funcionalidades, podemos esperar:

    • Compatibilidade com Trezor e Ledger Nano S;
    • Criptografia resistente à computação quântica;
    • Suporte completo à funcionalidade multisig;
    • Cartões de débito com a tecnologia NFC.

    Decerto, a Cardano está continuamente entregando as implementações prometidas para o primeiro trimestre de 2019. No entanto, ainda há um longo caminho pela frente para a Cardano.

    Seja como for, maiores detalhes sobre a fase de desenvolvimento Shelley, serão anunciadas durante a IOHK Summit 2019.


    Curta a página da CryptoRadar no Facebook e Twitter interaja conosco.
    Já ouviu nosso podcast? Acesse CryptoTalk e ouça.

  • CryptoTalk banner

  • Matérias Relacionadas


    Carregar mais matérias relacionadas.