• Criptoativos

    Bitcoin

    Bitcoin morreu? Veja o que dizem estes 3 sinais


    Por Ana Flávia Santana Saraiva Saraiva • 19 de junho de 2022
    tempo de leitura do artigo: 4 minutos


    Bitcoin morreu? Veja o que dizem estes 3 sinais

    Os odiadores do Bitcoin estão prontos para ler seu obituário, mas dados on-chain e outros indicadores sugerem que a faixa de preço atual pode ser uma boa zona de compra.

    Como era esperado, o mercado de baixa de criptomoedas trouxe à tona a velha máxima “O Bitcoin está morto” e seus odiadores comemoram alegremente proclamando o fim da maior criptomoeda por capitalização de mercado.

    Nesse sentido, chovem opiniões nas redes sociais a respeito da queda do BTC.

    Fonte: Twitter

    Nessa linha, há que ressaltar que os últimos meses foram realmente dolorosos para os investidores, vendo o preço do Bitcoin ( BTC ) cair para região dos US$ 17.600.

    Dessa forma, mais uma vez, vemos chamadas para o fim do ativo, que provavelmente sofrerão o mesmo destino que as 452 previsões anteriores.

    No entanto, os Bitcoiners resolutos têm um saco cheio de truques e métricas on-chain que usam para determinar quando o BTC está em uma zona de compra.

    Dessa forma, chegou a hora de examiná-los mais de perto. Vamos ver o que as métricas testadas pelo tempo dizem sobre a ação atual do preço do Bitcoin e se o mercado em alta de 2021 foi o último suspiro do BTC. 

    Possível área de compra na região da média móvel de 200 semanas

    Para iniciar, vamos falar de uma métrica que historicamente funcionou como um nível sólido de suporte para o Bitcoin é sua média móvel de 200 semanas (MA), conforme mostrado no gráfico a seguir publicado pelo analista de mercado Rekt Capital.

    Fonte: Twitter

    Nesse sentido, conforme mostrado na área destacada pelos círculos verdes, as baixas estabelecidas em mercados de baixa anteriores ocorreram em áreas próximas ao 200-MA, que efetivamente atuou como um importante nível de suporte.

    Assim, na maioria das vezes, o preço do BTC tende a cair brevemente abaixo dessa métrica e, em seguida, voltar lentamente acima da 200-MA para iniciar uma nova tendência de alta.

    Atualmente, o preço do BTC está sendo negociado em sua MA de 200 semanas depois de cair brevemente abaixo da métrica durante a liquidação em 14 de junho.

    Por fim, embora seja possível um movimento mais baixo, a história sugere que o preço não cairá muito abaixo desse nível para um período prolongado.

    Os suportes de preços plurianuais devem manter-se

    Paralelo a isso, juntamente com o suporte fornecido pela MA de 200 semanas, também existem vários níveis de preços notáveis ​​​​do passado do Bitcoin que agora devem funcionar como suporte caso o preço continue caindo.

    Gráfico de 1 semana BTC/USDT. 
    Fonte: TradingView

    Dessa forma, última vez que o preço do BTC foi negociado abaixo de US$ 24.000 foi em dezembro de 2020, quando US$ 21.900 atuou como um nível de suporte do qual o Bitcoin recuperou-se antes de chegar a US$ 41.000.

    Assim, caso o suporte em US$ 20.000 não seja mantido, os próximos níveis de suporte serão encontrados perto de US$ 19.900 e US$ 16.500, conforme mostrado no gráfico acima.

    MVRV indica sua hora de começar a acumular

    Para finalizar, uma métrica final que sugere que o BTC pode estar aproximando-se de uma fase de acumulação ideal é a relação valor de mercado para valor realizado (MVRV), que atualmente está em 0,969.

    Valor de mercado do Bitcoin em relação ao valor realizado. 
    Fonte: Glassnode

    Nessa linha, conforme mostrado no gráfico acima, a pontuação MVRV do Bitcoin passou a maior parte do tempo nos últimos quatro anos acima de um valor de 1, excluindo dois breves períodos que coincidiram com as condições de baixa do mercado.

    Assim, a breve queda que ocorreu em março de 2020 viu a pontuação do MVRV atingir uma baixa de 0,85 e permanecer abaixo de 1 por um período de aproximadamente sete dias.

    Enquanto isso, o mercado de baixa de 2018 a 2019 viu a métrica atingir uma baixa de 0,6992 e gastou um total de 133 dias abaixo de um valor de 1.

    Por fim, embora os dados não neguem que o BTC possa ver mais perdas de preço, também sugerem que o pior da retração já ocorreu e que é improvável que os atuais mínimos extremos persistam no longo prazo.


    Acompanhe análise técnica do BTC feita pelo time da CryptoRadar. Acesse aqui!

    Bitcoin morreu? Veja o que dizem estes 3 sinais

    Fonte: https://cointelegraph.com/news/bitcoin-critics-say-btc-price-is-going-to-0-this-time-but-these-3-signals-suggest-otherwise (Com adaptações)


    ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE
    Os pontos de vista e opiniões expressos pela CryptoRadar ou qualquer pessoa mencionada neste artigo, são apenas para fins informativos e não constituem aconselhamento financeiro, de investimento ou outros afins. Investir ou negociar criptoativos traz um risco de perda financeira.



  • Matérias Relacionadas


    Carregar mais matérias relacionadas.