Fundo de Investimento em Blockchain Arrecada 71 milhões USD

0
42
Fundo de Investimento em Blockchain Arrecada 71 milhões USD

A empresa de investimentos em Blockchain, Pantera Capital, lançou recentemente seu terceiro fundo de criptomoedas. Conhecida como Venture Fund III, a empresa completou todos os registros necessários com a Securities and Exchange Commission (SEC) na última quarta-feira (15), e o evento já está alcançando marcas impressionantes no espaço de criptoativos. Até agora, o fundo arrecadou mais de USD 71 milhões de cerca de 90 investidores diferentes.

Mas esse capital é apenas uma pequena fração do que os executivos do fundo acham que pode arrecadar. O sócio da empresa, Paul Veradittakit, explica que a empresa espera arrecadar aproximadamente USD 175 milhões em financiamento, o que seria a maior alocação monetária na história da Pantera Capital. O valor pretendido é uma “função de quão rápido o espaço está se movendo, o talento chegando, as oportunidades e o tamanho das rodadas”, explicou Veradittakit.

“Com investimentos mais interessantes no estágio posterior [em nosso radar] também, queremos ser flexíveis e capazes de nos movimentar com o mercado”, continuou ele.

Bakkt, plataforma de ativos digitais
Plataforma de Ativos Digitais

Os representantes da Pantera dizem que planejam usar o dinheiro para investir na Bakkt, uma nova plataforma da Intercontinental Exchange (ICE). Com lançamento previsto para novembro deste ano, o objetivo principal de Bakkt é ajudar os varejistas a comprar, negociar e vender moedas digitais. A empreitada da Pantera com Bakkt a tornaria um investidor fundador.

A Pantera Capital desenvolveu uma reputação impressionante no espaço da criptomoedas. Durante seus cinco anos de vida, a empresa registrou mais de 10 mil porcento de retorno. Alguns dos investimentos mais bem sucedidos e populares do empreendimento incluem Ripple, Circle, Korbit e Bitstamp.

O CEO da empresa, Dan Morehead, comentou recentemente que os investidores de bitcoin estavam “exagerando” com a notícia de que a SEC havia decidido adiar a decisão do ETF proposto pela VanEck em parceria com a SolidX e Cboe para o dia 30 de setembro, e que plataformas como Bakkt mereciam atenção e foco de todos, já que teriam mais impactos positivos no mercado.

“Eu ainda acho que vai demorar muito tempo até que um ETF seja aprovado”, disse ele. “A última classe de ativos a ser aprovada para a certificação ETF foi o cobre, e o cobre está na Terra há 10.000 anos. A principal coisa a lembrar é que o bitcoin é um empreendimento em estágio inicial, mas seu preço é acompanhado em tempo real, e isso é uma coisa única. As pessoas se empolgam com o preço e reagem exageradamente … A rejeição da ETF é a mesma que tivemos por cinco anos. A SEC é muito cautelosa em relação a ETFs ”, concluiu o CEO.

 


 

Curta a página da CryptoRadar no Facebook e interaja conosco.

 


Nosso episódio sobre ETF já está no ar! Acesse CryptoTalk e ouça

Comente aqui